Minhas Confissões
 
 
 
30 de dezembro de 2006
Última Palavra (ou confissão)
Com mais cinco confissões, completaríamos 1 ano, ou 52 semanas de Boletins. Mas, nesse caso, não daria para lhe entregar esse presente no Natal. Por esta razão, estou interrompendo a série por aqui.
 
 
23 de dezembro de 2006
Aqui vai Natal no Mar, produzida, já com letra.
Aquela lua imensa, quase tocando o horizonte, e você, longe de casa, do tombadilho, assiste-a nascer ouvindo o mar, calmo e quente, bater no casco do
 
 
16 de dezembro de 2006
Apresento-lhe outra música de Natal. Esta tem uma característica para a qual quero chamar sua atenção: não é, exatamente, uma música evangélica, como, por exemplo, a minha Canção de Ninar Jesus.
 
 
9 de dezembro de 2006
Havia em Jerusalém um homem chamado Simeão; homem este justo e piedoso que esperava a consolação de Israel; e o Espírito Santo estava sobre ele. Revelara-lhe o Espírito Santo que não passaria pela
 
 
1 de dezembro de 2006
Aqui está o cânon Tua Bênção, em sua versão produzida. Arranjo e voz do Toninho Zemuner. Se você se animar a cantá-la em sua igreja, fale comigo que lhe envio a partitura, ou as cifras para violão.
 
 
 
Bem-vindo às minhas confissões
Você se encontra na página inicial de minhas confissões.
Tudo começou com uma série de boletins, que eu chamei de avisos, informando sobre meus textos e músicas. Como publico coisas em livros, revistas e em meu próprio site, alguns irmãos me pediram que centralizasse essas informações, de modo que quem tivesse interesse pudesse acompanhar tudo. Incrédulo, no início de 2006, fiz uma consulta por e-mail, para verificar se havia, realmente interesse. O retorno foi muito maior do que eu poderia imaginar. Pois bem, esta coleção reúne os boletins de 2006. Espero que a aceite como meu presentinho de Natal.
Para caminhar na ordem original, ou para obter instruções sobre como navegar neste blog de confissões, clique aqui. Para acessar o arquivo geral, clique aqui.